Cinema

Enola Holmes 2 Final explicado

Este artigo contém spoilers para Enola Holmes 2.

Enola Holmes 2 vê sua estrela descobrir que ela realmente não deveria estar sozinha, mesmo quando ela se encontra frente a frente com uma nova versão do maior inimigo de Sherlock, Moriarty. Vagamente inspirados nos romances mais vendidos de Nancy Springer, os filmes Enola Holmes da Netflix são uma modernização refrescante do gênero Sherlock Holmes. Eles atingem um lugar cuidadoso, usando a luta de sua jovem heroína para navegar na Londres vitoriana para explorar questões sociais que ainda ressoam nos dias atuais.

A vida de Enola claramente mudou muito desde o primeiro filme de Enola Holmes. Ela não está mais escondida, mas está fazendo o possível para estabelecer sua própria agência de detetives como rival da de seu irmão mais velho, Sherlock. Ela acaba investigando um caso que nunca teria chamado a atenção de Sherlock, o desaparecimento de uma jovem chamada Sarah Chapman. Não demora muito para Enola se ver envolvida em uma grande conspiração; em um ponto ela é acusada de assassinato e teria sido enforcada se não tivesse sido resgatada por sua mãe Eudoria. No final, Elona deve perceber que não está sozinha – e não precisa estar – se quiser desvendar este caso.

Enola Holmes 2 final explicado

Durante as investigações de Enola, ela começa a suspeitar que algo está dando muito errado na fábrica de jogos onde a garota desaparecida – Sarah Chapman – havia sido empregada, e percebe que Sarah havia roubado alguns documentos importantes antes de seu desaparecimento.

Enquanto isso, enquanto ela está investigando, ela esbarra em Sherlock – que está bastante bêbado – e quando ela o leva para casa, ela vê algumas informações sobre seu último caso, que ela percebe de alguma forma se liga ao seu próprio.

Durante sua troca na manhã seguinte, Sherlock nota algo estranho sobre suas unhas – o que parece implicar que um produto químico perigoso está sendo usado na fábrica de fósforos.

As coisas se tornam mais urgentes quando Enola descobre que outra matchgirl, Mae, foi assassinada – especialmente quando a própria Enola se enquadra nas suspeitas do bastante desagradável Superintendente Graal (David Thewlis), que está liderando o caso.

Enola encontra seu caminho de volta para 221b Baker Street e ela e Sherlock ambos percebem que uma pista poderia estar esperando por eles no Match Makers Ball – com Enola suspeitando que William Lyon, o filho do dono da fábrica de jogos poderia ser uma pessoa de interesse.

Enola tenta interrogá-lo no baile, mas acha bastante difícil, com William dizendo a ela para deixá-lo para que ela não “arruine tudo” e dizendo-lhe para encontrá-lo à meia-noite. No baile, ela também se vê apresentada à Sra. Troy (Sharon Duncan-Brewster) a secretária privada de Lord McIntyre, que é um rico benfeitor da fábrica.

Antes que Enola possa encontrar William novamente, ela se vê presa e sob a custódia do Superintendente Graal – de quem Enola agora está profundamente desconfiada. Felizmente, com a ajuda de sua mãe Eudoria (Helena Bonham Carter) e Edith (Susie Wokoma), Enola é capaz de fugir da prisão, e sua mãe pede a ela para chegar ao fundo de alguns papéis que Sarah havia roubado – dizendo-lhe que isso poderia indicar por que ela desapareceu.

Enola é logo capaz de deduzir algo vital: onde a linha oficial da fábrica de palitos de fósforo tem sido que vários de seus funcionários estavam adoecendo com Typhus, Sarah tinha percebido que era realmente porque eles estavam trabalhando com fósforo perigoso.

Não só isso, mas ela percebe que Sarah não está realmente desaparecida, mas em vez disso se disfarçou de Cicely – uma garota que estava no baile e estava trabalhando com William Lyon. Juntos, eles estavam realmente tentando expor os segredos da fábrica, com o pai de Lyon e Lord McIntyre tendo sido parte de um grande encobrimento.

Ela logo se reencontra com Sherlock, e na tentativa de localizar William eles o encontram aparentemente morto – aparentemente por Graal e outra pessoa misteriosa, embora Sherlock considere que é mais complicado e que alguém está tentando brincar com eles.

enola holmes 2 final explicado

Junto com Tewkesbury, eles seguem um mapa secreto que os leva a um salão de música e encontram Sarah – não mais disfarçada de Cicely – que revela que ela havia roubado uma lista de nomes de garotas que haviam sido mortas por causa de sua exposição ao fósforo na fábrica.

Ela diz a eles que William deveria encontrá-los lá, mas a notícia da morte de seu parceiro é revelada bem a tempo do Superintendente Graal aparecer no local. Uma grande luta então ocorre quando Graal e seus cúmplices tentam colocar as mãos na lista de nomes, com os heróis conseguindo evitar o desafio.

Só que, então Lord McIntyre aparece e diz a Lestrade – que também apareceu na cena – para prender Sarah, a quem ele diz que o chantageia há muito tempo.

Neste ponto, Sherlock entra em modo Sherlock completo e explica que o verdadeiro culpado tinha sido outra pessoa o tempo todo: Sra. Mira Troy, cujo nome, é claro, é um anagrama de Moriarty.

Foi Mira quem estava chantageando McIntyre por causa de seu conhecimento dos envenenamentos fosforosos e, percebendo que seu dinheiro seria cortado quando William e Sarah roubassem a lista de nomes e expusessem o segredo, ela contratou Graal para recuperá-lo, antes de tentar colocar a culpa em McIntyre quando as coisas saíram do controle.

Moriarty está preso – embora ela prometa que voltará para mais em algum momento – e enquanto ninguém está olhando, McIntyre queima a lista de nomes.

Embora isso possua um fim ao objetivo inicial de Sarah de publicar a lista de nomes, com incentivo de Enola ela entra na fábrica e diz a seus companheiros de matchgirls a verdade – que o fósforo estava matando-os, não Tifo – antes de liderá-los em uma greve.

No final, vemos McIntyre preso por Lestrade após uma intervenção de Tewkesbury, que usou sua posição de poder para sempre.

Enola Holmes 2 está em streaming agora na Netflix

 

 

Acelino Silva

Sou um amante de séries, filmes, games, doramas, k-pop, animes e tudo relacionado a cultura pop, nerd e geek.
Botão Voltar ao topo